Sala de Imprensa
Clipping
Cliente: FRONIUS
Data: 05/08/2020

FRONIUS OFERECE SOLUÇÕES PARA REGENERAR BATERIAS PROFUNDAMENTE DESCARREGADAS

FRONIUS OFERECE SOLUÇÕES PARA REGENERAR BATERIAS PROFUNDAMENTE DESCARREGADAS
Graças à carga de manutenção própria, os sistemas de carregamento de baterias Selectiva da Fronius protegem as baterias de chumbo-ácido contra a nociva sulfatação

As baterias de chumbo-ácido utilizadas para o acionamento de empilhadeiras elétricas na intralogística são concebidas para serem operadas regularmente. Quando ficam sem ser utilizadas por um período maior de tempo – por exemplo, devido a uma paralisação das atividades –, podem sofrer uma descarga profunda e até perder sua capacidade permanentemente.
A Fronius do Brasil, empresa de origem austríaca que, entre outros segmentos, se dedica a soluções inovadoras para carregadores de bateria, oferece alternativas inteligentes de carregamento em tempos desafiadores.
De acordo com Mariana Kroker, gerente comercial da divisão Perfect Charging da Fronius do Brasil, a partir de uma capacidade residual abaixo de 20%, fala-se de uma descarga profunda da bateria, e, infelizmente, muitas empresas só percebem esse efeito quando querem reativar sua produção ou logística. “As consequências são custos elevados e um gasto extra de tempo para uma nova aquisição ou regeneração da bateria profundamente descarregada”, explica.
Não é o caso, porém, dos sistemas de carregamento de baterias Selectiva Fronius, que dispõem de uma carga de manutenção própria, fornecendo corrente à bateria conectada continuamente. “Assim, a nociva sulfatação provocada pela descarga profunda é evitada, e as baterias podem ser usadas imediatamente, mesmo depois de terem ficado inativas por um período maior de tempo”, esclarece Mariana.
Além disso, os equipamentos Selectiva oferecem uma curva característica de atualização especial, que pode ser facilmente ajustada direto no sistema de carregamento de baterias, no caso de ocorrer uma descarga profunda. Assim é possível aumentar significativamente a capacidade e o desempenho da bateria. Uma clara vantagem em relação a outros sistemas de carregamento de baterias, que costumam falhar quando as baterias ficam profundamente descarregadas, porque a tensão da bateria fica muito baixa e então não é mais identificada.
Mariana enfatiza ainda que a identificação automática da tensão dos sistemas de carregamento Selectiva também permite que diferentes baterias com praticamente qualquer estado da carga sejam individualmente carregadas. “Dessa forma, os operadores de empilhadeiras elétricas podem confiar totalmente na disponibilidade das suas baterias tracionárias mesmo após períodos maiores de inatividade”, encerra.

Lilás Comunicação Quem Somos Serviços Novidades Sala de Imprensa Parceiros Clientes Contato Lilás no Facebook Síga-nos no Twitter Fale Conosco